Dando uma mãozinha para abrir o cu da Proxy Paige

E seguimos nossa programação, com mais uma musa do cubola.

Agora é Proxy Paige que retorna a nossas páginas, com sua bunda cavalar e seu cu guloso.

Acreditem ou não, ela já foi bem magrinha.

Mas sexo anal, ah meus caros e caras, ela é daquelas que gosta da coisa.

E não precisa ser rola não, como veremos no post de hoje.

Basta uma amiguinha de mente perversa e uns brinquedos sexuais que seu esfíncter já começa a piscar.

E a se abrir...

Acompanhemos portanto o desenrolar da cena, quando a morena deu uma mãozinha para abrir o cu da Proxy Paige.

 proxypaige-fistertwister01

De franguinha assada, toda arreganhada, já levando dois dedos no rabo.

Olha aí, alargando o esfíncter, como se puxasse um elástico.

Olha aí, alargando o esfíncter, como se puxasse um elástico.

A mão da morena é tragada pelo ânus de Proxy, um verdadeiro buraco negro.

A mão da morena é tragada pelo ânus de Proxy, um verdadeiro buraco negro.

fisting extremo. Uma mão dentro, a outra puxando o esfíncter, abrindo o cu na tora.

Opa, coisa avançada, fisting extremo. Uma mão dentro, a outra puxando o esfíncter, abrindo o cu na tora.

Aquele olhar no infinito, enquanto duas mãos alargam sua rodinha.

Aquele olhar no infinito, enquanto duas mãos alargam sua rodinha. E pensar que muitas mulheres têm medo de sexo anal.

Enfiando imitação de pênis de cavalo no cu

E como se não bastasse uma mão, olha o brinquedinho que as duas sodomitas arrumaram. Um imitação de pênis de cavalo, atolado até o talo na bunda monolítica de nossa musa.

A cena é de nosso novo patrocinador, o site Fister Twister.

E se quiser sacar uns vídeos da cena você vai ver como ela é absolutamente imperdível, assim como este site.

 

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto:
Pular para a barra de ferramentas